OPINIÃO: Por que falta água em Itambé?



O sistema é velho, obsoleto, não recebe investimentos para ampliação e modernização há muitos anos.

A manancial do Engenho Muzumbo tem potencial para abastecer Itambé por, pelo menos, 30 anos.

A barragem está completamente assoreada, por desleixo e irresponsabilidade dos últimos prefeitos, que nada fizeram para revitalizá-la.

O Sistema Muzumbo funciona com 2 motores, revezando, jogando água para o Sistema Grilo 24 horas por dia.

No Grilo, a água é "tratada" e bombeada para a caixa d'água da Avenida Tenente Fontoura, de onde é distribuída para a população.

O Grilo também funciona com 2 motores, em revezamento.

Ocorre que, eventualmente, quando um motor quebra (tanto no Grilo quanto em Muzumbo), o outro fica funcionando 24 horas por dia, porque os responsáveis não têm o cuidado de recuperar logo o motor que entrou em pane.

A recuperação do motor leva, havendo boa vontade e interesse, 2 dias.

Tem sido assim com os últimos prefeitos: passam meses sem providenciar a recuperação do motor que pifou, ocasionando uma sobrecarga no motor que fica funcionando 24 horas por dia, até quebrar também.

Aí a cidade fica 10, 15 dias sem água, causando os maiores transtornos à população.

Não sei se esse foi o motivo da falta d'água dos últimos 10, 15 dias, porém, na maioria das vezes é isso que ocorre.

Tem 2 motores, quebra 1, não consertam, quebra o outro e a cidade passa vários dias sem água.

É dever e obrigação da gestão informar à população quando houver pane no sistema, o motivo do problema que ocasionou a falta d'água e o prazo previsto para voltar a normalidade.

De forma arrogante, não fazem isso.

O Serviço de Abastecimento D'água de Itambé precisa urgentemente de investimentos para torná-lo eficiente, moderno e apto para atender a demanda.

Água, tem demais...

Falta interesse e vontade política da prefeita Graça Carrazzoni, de seu esposo Fred Carrazzoni, dos deputados Raul Henry e Júnior Uchoa, do senador Jarbas Vasconcelos e do governador Paulo Câmara, que, não sei a razão,  deixam de buscar recursos federais e estaduais para revitalizar o sistema.

A água é prioridade para a população, porém, infelizmente, não é prioridade para a gestão da oligarquia Carrazzoni.

Era o que tinha a dizer na manhã desta segunda-feira, 10 de fevereiro de 2029.

Tenham todos um bom dia!

Assinado: Antônio Paiva Filho.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CRIME BÁRBARO: Professor de História é assassinado com 31 facadas em Pedras de Fogo-PB (FOTOS/VÍDEO)

Corpo carbonizado é encontrado dentro de Canavial em Itambé PE

Homem é morto e outro fica ferido em Itambé