UNIDADE DE SAÚDE: MPF apura paralisação de obra na Paraíba


O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito civil contra a Prefeitura Municipal de Pedras de Fogo, para verificar o motivo pelos quais os serviços contratados para a construção de uma unidade de saúde pública no município estão paralisados. A informação consta no Diário Eletrônico do MPF dessa quarta-feira (7).

O documento cita o contrato de repasse firmado entre o Município e a Caixa Econômica Federal em 2008, na ordem de aproximadamente R$ 3.335.000,00 para a construção de uma Unidade de Atenção Especializada em Saúde, na forma de um hospital.

O Ministério Público Federal estabeleceu o prazo de um ano para que o inquérito civil seja concluído. A decisão foi tomada pelo procurador da república Victor Carvalho Veggi.


MaisPB

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CRIME BÁRBARO: Professor de História é assassinado com 31 facadas em Pedras de Fogo-PB (FOTOS/VÍDEO)

Corpo carbonizado é encontrado dentro de Canavial em Itambé PE

Homem é morto e outro fica ferido em Itambé